Páginas

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Hay que acelerar!


Até 2004, Porto Alegre era considerada uma cidade extremamente politizada.
Contudo, deixou de ser reduto de votos do PT e, então, deixou de ser politizada, óbvio.

Mas ainda há esperanças!



Flagrei um gênio que resolveu homenagear Cuba em seu carro.
E não me venham com lógica (este recurso burguês!), dizendo que a atitude do dono do veículo não faz sentido, pois, "se fosse cubano, ele não poderia fazer tal homenagem, porque simplesmente não conseguiria adquirir o automóvel".
Isso é só um detalhe, ante a consciência crítica desse porto-alegrense engajado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário